Categories
My Blog

Destinos nada óbvios para apreciar a cultura italiana no RS

A cultura italiana faz parte do Rio Grande do Sul, mas quase sempre caímos em destinos óbvios como as cidades do Vale dos Vinhedos, contudo, há alguns outros destinos menos conhecidos e que possuem muita importância para essa parte da história.

Conheça o Passeio maria fumaça gramado

Um belo exemplo disso é a cidade de Antônio Prado, de fato ela teve algum destaque por servir de cenário para parte das gravações de O Quatrilho, mas isso foi em 1995. Hoje em dia não é tão apreciada quanto outras da Serra Gaúcha.

A cidade que é tombada pelo IPHAN como o maior conjunto arquitetônico da colonização italiana no Brasil, possui nada menos do que 48 edificações do início do século 20 que ainda estão de pé. No caminho para visitar esse patrimônio arquitetônico, você pode experimentar delícias da culinária tradicional da região e comprar artesanato.

Veja como fazer o passeio de maria fumaça em gramado

Além de Antônio Prado, Farroupilha é outra cidade que cai no esquecimento quando se pensa a Serra Gaúcha, mas não devia. A cidade foi a porta de entrada das primeiras famílias e imigrantes italianos que chegaram ao estado. Há ainda muitos prédios históricos conservados no local.

Embora Garibaldi, faça parte do Vale dos Vinhedos e seja marcada por ser a terra do espumante, ela pode ser um pouco desprestigiada, já que as vinícolas são a única atração do pequeno município.

Conheça o Passeio maria fumaça gramado

O local oferece degustação de espumantes, sucos, vinhos, queijos e embutidos e é lar de grandes empresas do ramo. O passeio de trem Maria Fumaça possui uma parada em Garibaldi onde os viajantes podem apreciar parte das iguarias do local.

Serafina Côrrea é outra cidade do interior gaúcho que preserva fortemente suas origens. O conjunto arquitetônico da cidade é surpreendente e possui até uma réplica do Coliseu. Mas o principal aspecto cultural de lá é a fala do talian, um dialeto criado pelos imigrantes italianos, que mistura o português e o italiano. Essa língua surgiu como uma forma de manter acesa as origens das famílias e é colocada em prática até hoje na região.

Veja como fazer o passeio de maria fumaça em gramado

Além do óbvio, a Serra Gaúcha tem muito a oferecer em termos de cultura italiana para os turistas.